E-zine - Punk / Hardcore / Rock / Metal

Entrevistamos Gepeto (vocalista do Ação Direta e Letall)

5 de junho de 2017 | Publicado por: Fernando Fantini

Tags: , ,

Gepeto 2

Batemos um papo com Gepeto, vocalista há 30 anos do Ação Direta e agora também com sua nova banda, Letall!

Por Fernando Fantini. Confira:

 

1. Salve Gepeto, já são três décadas na ativa com o AÇÃO DIRETA um dos maiores nomes do punk rock nacional! Conta um pouco como é “resistir” tanto tempo na cena underground indo sempre na contramão do modismo midiático?

Completar 03 décadas de banda underground no Brasil ou em qualquer parte do mundo é uma tarefa difícil, para poucos, por isso estamos orgulhosos e motivados! Primeiramente é preciso gostar muito, amar o lance, tem que fazer a diferença na sua vida para que você tome a decisão de seguir, fazer a sua escolha e seguir preparado para fazer concessões na vida pessoal e familiar e enfrentar todas as adversidades e pirações!

Temos a sorte de sermos bons amigos e muito comprometidos com o underground! Estamos aqui ainda escrevendo a nossa história e sempre representando o HARDCORE Brasileiro!

A AÇÃO DIRETA gravou até o momento 8 álbuns, sendo que 7 de estúdio e 1 gravado ao vivo na Slovênia durante sua tour européia de 1999. Chega a assustar como o tempo voou, mas o importante é que estamos aqui, nesse momento praticando a AÇÃO DIRETA! Criando, produzindo!

 

2. Vocês pensam em lançar um documentário ou algum material comemorativo?

Estamos retornando de umas férias agora! E nos preparando para comemorar os 30 ANOS da AÇÃO DIRETA com grandes projetos! A partir do segundo semestre, estaremos de volta aos palcos com set list especial de 30 anos. Várias novidades no set!

Esperamos rodar bastante e levar esse show a máximo de lugares possíveis! Estamos trabalhando novas músicas também. Teremos um novo álbum de inéditas para 2018, o sucessor de WORLD FREAK SHOW lançado em 2013.

Estamos nos organizando para trabalhar no documentário sobre as 03 décadas da banda. É um projeto para os próximos anos, e que começa a ser trabalhado a partir de agora. Temos muitos trabalho pela frente, mas basicamente o projeto de 30 ANOS se divide nessas 03 partes: shows, álbum novo e o documentário!

 

acao-direta-3

 

3. O AÇÃO DIRETA é do ABC. Como era relação de vocês com os grupos da Capital de São Paulo nos anos 80? Rolava alguma treta ou boicote por conta da rivalidade daquela época?

Nossa relação com as bandas de SP sempre foi muito boa e de amizade! O problema eram as gangues. E não eram poucas! Rolava muita hostilidade entre entre elas e os territórios eram bem demarcados. Tivemos que aprender a conviver com isso , mesmo não fazendo parte de nenhuma gangue!

Essas tretas trouxeram muitos prejuízos e muitas portas se fecharam, muitas coisas legais deixaram de acontecer por conta disso!

 

4. O som do AÇÃO DIRETA se aproxima mais do crossover, como vocês chegaram nessa sonoridade e quais as influências? Sofreram alguma represaria dos punks da época pelo fato da banda flertar com o metal?

A AÇÃO DIRETA já começou crossover! Mesmo a gente não sabendo tocar porra nenhuma naquela época, hahaha!

O som já trazia uma mistura de Punk, HC e Metal. Na época a gente dividia os ensaios com o HAMMERHEAD que era metal. Com o tempo e as mudanças na formação fomos moldando nosso estilo de som e agregando influencias de todos. Nunca nos importamos com policiamentos, represálias, etc… e também nunca fomos perseguidos.

Basicamente nossas influências foram o Hardcore e Metal. Fazemos nosso som, temos as nossas ideias e seguimos sempre em frente e evoluindo!

 

5. Vamos falar um pouco da sua nova banda o LETALL, como surgiu a ideia de montar esse projeto?

Quando a AÇÃO DIRETA tirou férias, no final de 2015, eu já vinha trabalhando uns sons e sentindo a necessidade de atuar mais. Conheci os irmãos Gigante e Wagner, aqui em São Bernardo do Campo. Eles vieram do Rio de Janeiro e fiquei amigo deles. Aí os convidei para uma banda com uma proposta mais HC tradicional, grunge, proto punk… e os caras toparam!

Trabalhamos as músicas com bateria programada e começamos a curtir os resultados! Convidamos o baterista Filipe Freitas e passamos a ensaiar como banda. Depois começamos a trabalhar o repertório já focando o álbum de estreia.

 

letall2

 

6. E como foi a gravação do álbum Máquina de Propaganda?

Foi um dia de trabalho pesado e muito prazeroso também! Tivemos a oportunidade de gravar no grande FAMILY MOB estúdio, dentro do projeto ALLSTAR RUBBER TRACKS!

Nos preparamos com vários ensaios e fomos lá no dia para captar as 10 baterias. Acabamos usando as guias de baixo e guitarra também. Trabalhamos das 10 da manhã as 19:00 e saímos de lá satisfeitos! A produção do Jean e do André KBelo foi de primeira!

Após a session no FAMILY MOB, os irmãos trabalharam em casa nos pluguins, no complemento das cordas e solos de guitarra. As vozes gravamos no estúdio caseiro do nosso brother Angelo Hipolito, que é técnico de som da AÇÃO DIRETA. O Wagner, nosso guitarrista também mixou o material. Foi um álbum feito em partes hahaha! Frankenstein total! Mas conseguimos captar a energia e o “ao vivo” do nosso som. Particularmente adoro a sonoridade do álbum!

 

7. Mesmo a sonoridade do LETALL ser bem diferente da pegada do AÇÃO DIRETA, as letras continuam com um cunho social, conta um pouco sobre as composições da nova banda?

Gosto de escrever sobre temas cotidianos, procuro estar antenado com as coisas! Mas também gosto de escrever sobre comportamento humano, existencialismo e até sobre situações vivenciadas.

Procurei misturar esses estilos no álbum. Documentários, filmes, livros e reportagens sempre trazem inspiração também! Gosto de explorar esses materiais para escrever e também dar voz a alguns feelings pessoais, introspectivos.

 

8. Como foi a gravação do clipe 3000 Voltz?

As captações foram feitas num estúdio fotográfico desativado. Usamos o Chroma Key! Mais uma vez os irmãos Gigante e Wagner meteram a mão na massa, haha! Os caras trabalham bem em toda a área de tecnologia e encararam a produção do clipe. A faixa “3000 Voltz” foi inspirado no documentário PIXOAÇÃO! O resultado ficou muito bom!

 

 

9. Eu vi o show de vocês em setembro de 2016 no Hangar, a galera agitou bastante mesmo não conhecendo muito a banda, como está sendo a recepção e os shows com o Letall?

Estamos muito felizes com a recepção do público! A galera tem curtido muito os shows e o CD. O álbum saiu em Fevereiro de 2016, logo após o lançamento, caímos na estrada e fizemos 22 shows no ano! Resolvemos esticar a tour pelo ano de 2017 e seguir trabalhando na divulgação do álbum. Este ano dobrou o numero de shows! Sexta Feira passada, dia 02/06 fizemos na HOCUS POCUS em São José Dos Campos nosso show número 20! E a agenda continua forte!

No paralelo estamos nos preparando para o lançamento do novo vídeo clipe da banda. A faixa escolhida foi “Seres Obsoletos” e o clipe vai ser lançado agora esse mês.

 

10. Você está a frente de um projeto de suma importância na Prefeitura de São Bernardo do Campo/SP chamado “Plano de Cultura”. Conte sobre este projeto e como podemos
participar e ajudar?

Estive não a frente, mas colaborando durante os últimos 2 anos na elaboração do projeto de implantação de um plano de cultura para a cidade de São Bernardo do Campo. Tive o prazer e a responsabilidade de ser um dos representantes do segmento Rock ali. Algumas conquistas vieram rápido, como o dia oficial do Rock em SBC! E o plano foi documentado e entregue a câmara municipal da cidade. E continua em discussão!

 

acao-direta-2

 

11. Quais os próximos shows do LETALL e do AÇÃO DIRETA?

A LETALL segue firme com a tour MÁQUINA DE PROPAGANDA e nossas próximas datas são:

10.06 – AUTOROCK FESTIVAL – CAMPINAS / SP
11.06 – 08 FESTIVAL PUNK BEBEDOURO / SP
22.07 – SOBERANA UNDERGROUND FESTIVAL – GUARULHOS / SP
05.08 – RED STAR SESSIONS – ESPAÇO SOM / SP
11.08 – TEATRO LAURO GOMES / SBC
01.10 – ROCK NA PAULISTA / SP

A AÇÃO DIRETA nesse momento esta ensaiando. Nosso guitarrista Pancho deixou a banda recentemente! Logo após cogitarmos esse retorno aos trabalhos! Temos um guitarrista chamado Denis em teste nesse momento. Estamos evoluindo bem e pretendemos estar de volta aos palcos agora no segundo semestre!

 

12. Gepeto valeu pela oportunidade, manda um recado ae para a galera que acompanha o site Besouros.net.

Agradeço a vocês do site Besouros pelo apoio sempre! A AÇÃO DIRETA está preparando um show fodasso para comemorar esses 30 anos! Em breve teremos novidades!

Como voces puderam perceber estamos trabalhando forte com as duas bandas! Espero vocês nos shows! Valeuuuuuuuuuu!



Um comentário para “Entrevistamos Gepeto (vocalista do Ação Direta e Letall)”

  1. Tropeço disse:

    Essa banda ação direta e Du caralho tive uma participação no começo como vocalista junto com panda na batera Deni no baixo e Gepeto na guitarra e um prazeraço ler essa entrevista com. Meu brother Gepeto uma lenda do punk metal e hard core parabéns

Comentários sem login do Facebook

Facebook

Twitter

Instagram

Instagram

Besouros.net 2002 - 2015 | Contato: besouros@besouros.net