E-zine - Punk / Hardcore / Rock / Metal

Resenha e fotos: Flogging Molly em São Paulo

8 de outubro de 2018 | Publicado por: Fabio Martiniano

Tags: ,

Véspera de uma das eleições mais conturbadas que o Brasil já teve, eis que retorna a São Paulo (06/10/2018 no Carioca Club) a Flogging Molly, para dar um respiro em dias tão sombrios!

A volta da banda era muito esperada pelos fãs carentes de celtic punk. E para começar a noite tivemos uma grande surpresa com a abertura da Rebels & Sinners, banda de Campinas que eu não conhecia, mas me prenderam a atenção! Em meio de alguns covers com pegada irlandesa, como “Poison Heart” dos Ramones e “Zombie” do Cranberries, a banda apresentou músicas autorais muito boas e muito bem executadas. Realmente curti a banda e achei uma ótima escolha para abertura. Com certeza vou procurar ouvir mais.

Sem muita demora os sete integrantes da Flogging Molly sobem no palco para acabar com nossa ansiedade! Começando com “(No More) Paddy’s Lament”, “The Hand of John L. Sullivan” e “Drunken Lullabies” a banda ditou o ritmo da festa botando todo mundo para dançar e pular! Ao longo de 20 músicas deram pouco espaço para suas faixas mais lentas como “If I Ever Leave This World Alive” e “The Spoken Wheel” (em que Dave King homenageia seu pai), dando foco para o recente álbum Life Is Good e nos clássicos da banda. Pena que não rolou nenhuma do disco Speed of Darkness, que gosto bastante.

Durante o show o vocalista Dave King apresentou os membros da banda, deu uma Guinness para um fã que estava no show do dia anterior (em Curitiba) e falou um pouco sobre o importante dia que teríamos no domingo. Ele ditava o ânimo da festa, pulando e correndo, como um menino de 48 anos.

Fecharam a primeira parte do show com o clássico “Seven Deadly Sins”.  No bis voltaram com “Crushed (Hostile Nations)” e encerraram com outro clássico, “Salty Dog”! A banda se despediu do público ao som de “Always Look on the Bright Side of Life” do Monty Python.

Entre amigos, cerveja e boa música a Flogging Molly fez mais um grande show como era de se esperar. Deu até uma tristeza quando acabou! O show não foi curto, mas podia durar a noite toda! Flogging Molly é uma banda incrível e espero que o Brasil esteja sempre em seu roteiro. Voltem sempre!

Confira as fotos:



Comentários sem login do Facebook

Facebook

Twitter

Instagram

Instagram

Besouros.net 2002 - 2015 | Contato: besouros@besouros.net