Fã do Weezer faz clipe pra banda e se dá mal

Um estudante americano fã do Weezer resolveu criar um clipe pra banda e acabou sendo advertido por uso indevido de imagens protegidas por lei.
O que rolou foi que o Rafael Sans, um garoto de 19 anos que estuda teologia, achou que a música “This Is Such a Pity” combinava com o filme Breakin’, de 1984. Então, ele fez uma edição de um trecho do longa onde uma personagem aprende a dançar break, colocou a música do Weezer e jogou o clipe na Internet.
Os fãs da banda que entraram no link adoraram o resultado, e até o Karl Koch, webmaster do site do Weezer, curtiu – tanto que ele mesmo colocou no site dos caras um link pra página do YouTube. Só que, depois de 13 dias, o Rafael recebeu um e-mail dos administradores do site de vídeos dizendo que ele havia violado a lei dos direitos autorais. Como o cara não tinha autorização pra usar cenas do filme, foi obrigado a tirar seu clipe caseiro do ar.
Rafael Sans alega que não roubou as imagens do Breakin’, já que comprou o DVD. Além disso, ele não estava cobrando ou lucrando nada com seu clipe. Mas pelo visto, o pessoal do YouTube não engoliu… E se os administradores seguirem os passos da associação das gravadoras americanas, a maioria dos vídeos disponíveis no site vão ter de sair do ar.
(89fm)

Vai comprar algo na Amazon? Ajude o site usando nosso link: Amazon.com
Obrigado :)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *