Pennywise: separação teve como motivo recusa a vir ao Brasil

Como já noticiado, a briga que causou a saída do vocalista Jim Lindberg, segundo o guitarrista Fletcher, em recente entrevista, foi o fato de Jim recusar-se a fazer certas turnês que não fossem administradas da maneira dele (leia aqui).

Agora em entrevista com o jornal Estadão, Fletcher disse o a vinda ao Brasil e América latina teria sido o motivo. Fletcher diz:

“‘Primeiro, ele argumentou que não iria porque era uma turnê muito longa. Eu disse: ‘O quê? Uma turnê de 10 dias? Longa?’ Ele disse: ‘É muito tempo’. ‘Fizemos concessões a ele anos a fio. Mas deixamos claro que essa turnê pelo Brasil era muito importante para nós. Ele disse que não iria ao Brasil, não importava o que a gente dissesse. Mas nós achamos que devemos ir ao encontro dos nossos fãs, é a essência do que somos. ‘Vamos com você ou sem você’, a gente disse. Ele respondeu: ‘Então eu saio’.

(…)toda a existência do Pennywise tem sido baseada em igualdade, em democracia, e ele queria nos dizer como e quando deveríamos excursionar.’ Fletcher também disse que Jim Lindberg queixou-se de que o grupo ‘sempre escolhia os lugares mais problemáticos do mundo’ para fazer turnês. ‘Como ele diz isso? (…) América do Sul, as pessoas são as mais agradáveis, o público é fantástico, é um dos lugares que nos recebem melhor’.”

Até o momento só Fletcher tem se pronunciado, seria bom saber a versão de Jim!

Jim Lindberg após a saída do Pennywise montou a banda The Black Pacific, e lançou o disco homônimo. Você pode ver o primeiro clipe,  ouvir o álbum disponível na web e saber mais sobre a banda aqui.

O Pennywise continua com Zoli Teglas do Ignite nos vocais, e fará turnê no Brasil em dezembro. Saiba mais aqui.

Vai comprar algo na Amazon? Ajude o site usando nosso link: Amazon.com
Obrigado :)

Um comentário em “Pennywise: separação teve como motivo recusa a vir ao Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *