Resenha: Three Green Hearts Sessions na Avenida Paulista com Wiseman, Blackjaw e mais

Resenha por Guilherme Góes.

Quem compareceu na Avenida Paulista (São Paulo) no domingo, dia 2 de setembro, para conferir a gig “Three green hearts sessions” com as bandas Wiseman, Blackjaw, Acionistas Vienenses, The sunset Fire e Sempre demonstrou um enorme respeito pelo cenário underground e pelas bandas independentes. Embora o evento tenha acontecido em um domingo com um clima nada agradável e com o início marcado para às dez da manhã, a gig conseguiu atrair alguns apoiadores da cena.

A primeira banda do evento foi a Sempre. O quinteto formado na Baixada Santista em meados de 2016 “subiu a serra” e mandou o seu Hardcore melódico na “praia paulista”. Apresentando músicas do EP “A favor do vento” (2017), os caiçaras conseguiram captar a atenção dos “passantes” e atraíram novos fãs na cidade de São Paulo.

Logo em seguida, foi a vez da banda carioca The sunset Fire mostrar o seu trabalho na principal avenida de São Paulo, após uma turnê no litoral do estado. A banda mandou um setlist com as músicas de diversos singles que estão disponíveis nas mídias sociais. Apresentando um som mais voltado ao indie, o The sunset Fire foi recebido com grande respeito pelo público do hardcore melódico paulista.

Após uma pausa para comprar cervejas nos bares e mercados da Avenida Paulista, foi a vez do Wiseman prosseguir com a gig. A banda formada na zona leste de São Paulo em 2014 faz um som com fortes influências do grunge noventista. Apresentando um setlist com músicas do álbum “Mind blown” (2018) como “Factory Floor” e “Shut up and listen”, um cover de “Territorial Pissing” do Nirvana e brincadeiras do vocalista/guitarrista Thiagones para com os amigos na audiência, a banda conseguiu animar os presentes e captar a atenção de alguns “passantes” curiosos.

Após uma troca de instrumentos no local, a banda Acionistas Vienenses deu início ao bloco final da gig. A banda paulista formada no ano de 2013 tem uma agenda bem ativa na cidade de São Paulo, tocando frequentemente com bandas como Wiseman, Orgânico, Cyrano e Mar Morto. Apresentando músicas do ótimo trabalho “Silêncio” (2016), os Acionistas Vienenses mostraram o porquê de ser um dos nomes mais legais da cena de Hardcore melódico dos últimos tempos. A banda encerrou o set com a música “Silêncio”, que contou a participação de “Sandro”, vocalista da banda Sempre.

Por volta das 15:00hrs, foi a vez da banda Blackjaw encerrar o evento com chave de ouro. A banda formada no litoral paulista é um dos principais nomes da cena Hardcore nacional desta década, e segue em atividade desde 2009. Apresentando sua recente formação, mandaram um setlist praticamente composto por músicas do álbum “Anticlimax” (2017), mas também passaram por músicas antigas com “Sell your body” e “Lions”. Após o vocalista Ravi dedicar o show ao guitarrista Leon da banda Dinamite Club (que faleceu no sábado passado), encerraram com a música “Keep your famous friends”.

Mesmo com tudo para dar errado, a “Three green hearts sessions” aconteceu e ainda conseguiu atrair algum público. Grande iniciativa por parte dos organizadores, mostrando que apesar das adversidades, a cena independente não para!

Vai comprar algo na Amazon? Ajude o site usando nosso link: Amazon.com
Obrigado :)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *