ROKO-LOKO VIRA GAME PARA CELULAR

Depois do sucesso do lançamento do primeiro game rock do Brasil “Roko-Loko no Castelo do Ratozinger” no ano passado, agora o jogo também está disponível para celulares.

Finalmente está pronta a versão para celulares do game “Roko-Loko no Castelo do Ratozinger”, criado pelo cartunista Marcio Baraldi. “Deu trabalho, porque o game precisou ser completamente refeito com a linguagem tecnológica dos celulares, que é completamente diferente dos PCs. E na verdade, não é somente uma versão, mas várias, pois há muitas marcas de celulares no mercado e cada uma tem um funcionamento diferente, o que obrigou a equipe de produção a criar o mesmo game com a linguagem específica para quatro marcas diferentes: Nokia, Motorola, Samsung, Sony, Ericsson”, explica Baraldi.

Além disso, os desenhos precisaram ser todos refeitos num traço mais simples, devido ao tamanho da tela do celular ser bem menor comparado à tela de PC, o que deixou o game com uma agilidade para jogar excelente, ainda mais rápidos do que o original.

Para realizar esse trabalho foi preciso a associação de duas empresas: a “Sguerra Design”, do Sidney Guerra, designer do game, e a “PlaySystems”, especializada em jogos eletrônicos digitais.

Este é mais um projeto pioneiro do Baraldi e associados, pois é o primeiríssimo game para celular de um personagem de quadrinhos brasileiro!

Por enquanto o game está sendo negociado com as principais operadoras de celular do Brasil, mas todos já podem brincar com a versão demo gratuita que está disponível no site da “PlaySystems”: www.playSystems.com.br .

Roko-Loko completou dez anos de vida no início de 2006. Baraldi recebeu disco de ouro pela venda de 54 mil cópias do game do personagem mais rock n’roll do país, entregue pela revista “MP3 Magazine”, em outubro passado. “Um verdadeiro marco, tratando-se de um game nacional!”, diz empolgado Baraldi.

No segundo semestre o cartunista irá lançar “Roko-Remix”, a nova versão do game do Roko-Loko, com duas novas fases, novos perigos e muito mais emoções!

Sobre o jogo do Roko-Loko

O game “Roko-Loko no Castelo do Ratozinger” mantém a mesma estética dos quadrinhos e dá a impressão que o jogador está dentro de uma HQ do personagem, criando uma interação virtual entre o público e o Roko-Loko.

O jogo é dividido em três fases e sua história é empolgante e divertida: Roko-Loko tem que entrar no Vaticão, castelo do cruel Ratozinger, uma ratazana religiosa ultraconservadora – que odeia o rock e o sexo – e aprisionou a bela Adrina-Lina e outros roqueiros famosos como Eddie (o mascote do Iron Maiden), Rob Halford, Ozzy Osbourne, Gene Simmons, entre outros. Para libertá-los, Roko-Loko tem de enfrentar muitas ameaças como aranhas, morcegos, caveiras, crocodilos, lava vulcânica e bolas de fogo, retirar as guitarras presas em bigornas e, por fim, travar o confronto final com Ratozinger, jogando-o aos crocodilos e libertando Adrina-Lina.

Todo o cenário é muito colorido e dinâmico, e remonta imediatamente ao clima das histórias em quadrinhos do personagem, publicadas mensalmente há quase dez anos na revista roqueira Rock Brigade, que é a mais antiga e famosa publicação do gênero na América Latina.

A estética do jogo tem influências de games clássicos dos anos 80 como Pitfall,Sonic, Super Mario Bros e Prince of Persia, pois os autores do game são fanáticos confessos desse período da cultura pop, o que torna o jogo ainda mais atraente num momento em que vivemos uma “redescoberta” da cultura criativa e efervescente da década de 80.

Links relacionados:

Marcio Baraldi – www.marciobaraldi.com.br
Podcast Roko-Loko – http://rokoloko.podomatic.com
Download do game para celulares – PlaySystems – www.playsystems.com.br

Vai comprar algo na Amazon? Ajude o site usando nosso link: Amazon.com
Obrigado :)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *